RTP - Dia da Mãe

Pois é, nem me reconheço a mim mesma, então não é que tive coragem de ir a uma entrevista para o Dia da Mãe!!
Ontem, na companhia da Catarina, lá apanhámos o comboio rumo a Lisboa. Chegadas lá fomos para a praia de Carcavelos e, quais VIPs, lá fomos transportadas no carro da RTP!
No local onde iria decorrer a entrevista, já nos esperava a Cristina, que apenas conhecíamos do fórum e msn, mas os jornalistas decidiram que o momento do encontro devia ficar registado, o que tornou tudo um pouco estranho…
A entrevista correu bem mas eu sou suspeita. Claro que acho que me esqueci de dizer metade do que queria. Pelo menos podia ter referido a falta de apoio psicológico existente na maior parte das maternidades, no meu caso a Maternidade Bissaya Barreto, relativamente aos casos de perda gestacional. E não é que antes de começar a entrevista até tinha estado a pensar nisso!...
A Ana e o Pedro (os jornalistas) foram muito simpáticos e puseram-nos logo à vontade, claro que estava nervosa mas foi só começar a falar e esqueci a câmara.
Contei a minha história, referi o momento em que tive conhecimento da Artémis e claro, não podia deixar de dizer o quão importantes têm sido nesta fase complicada por que estou a passar e o quanto são FANTÁSTICAS, assim mesmo com todas as letras!!
Penso que, no conjunto de todas as entrevistas, terão acabado por ser referidos os aspectos mais importantes, e acredito também que será feita uma boa montagem que ilustre bem o que é a Artémis e o que significa a perda gestacional.
Agora resta esperar ansiosamente por domingo e esperar uma boa reportagem!

Comentários