quinta-feira, 30 de abril de 2009

Miminho

Mais um miminho, desta vez foi a amiga trintona ;)



E aqui ficam as regras deste miminho:

1.Reencaminhar este prémio a 10 blogues
ME
Mãaaeee
Margarida para comemorar o regresso ;)
Lena
Catarina
Ana
Sofia
Cristina
Marta
Martense desculpa linda, tinha mal o link mas já está tudo bem ;)

2. Exibir a imagem do prémio

3. Postar o link do blog que premiou

4. Avisar os premiados (esta não vou cumprir...)

5. Publicar as regras
It takes a long time to understand nothing.

(Edward Dahlberg)

quarta-feira, 29 de abril de 2009

Dia Mundial da Dança

Para comemorar aqui fica este vídeo ;)

segunda-feira, 27 de abril de 2009

Queria...

Não me apetece fazer nada de nada do tanto que tenho para fazer!
Queria escrever aqui mas fico a olhar para a caixa em branco e... nada! Escrevo, apago, escrevo, apago...
Queria dizer que este fim de semana estivemos a ver o meu mano a saltar a cavalo e soube bem, apesar do frio e da chuva no sábado. São sempre bons estes momentos, especialmente quando nos vemos tão pouco, ainda por cima tendo ele conseguido dois primeiros lugares e mais uma série de troféus!
Queria dizer que a minha sobrinha mais "doidita" tem dois dentes a abanar e eu acho que ela vai ficar tão patusca sem eles... hehehehe
Queria dizer que finalmente, ao fim de 43 dias e de um ciclo anovulatório, começou um novo ciclo e com ele o dufine e tudo o resto...
Ai! Queria dizer tanta coisa e não sai nada!

sábado, 25 de abril de 2009

JÁ???


Pois é!
Já!!


1 ANO!!

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Dia do Livro

Eu sou o mundo

Eu sou o mundo e o mundo sou eu,
porque, com o meu livro,
posso ser tudo o que quiser.
Palavras e imagens, verso e prosa
levam-me a lugares a um tempo próximos e distantes.
Na terra dos sultões e do ouro,
há mil histórias a descobrir.
Tapetes voadores, lâmpadas mágicas,
génios, vampiros e Sindbades
contam os seus segredos a Xerazade.
Com cada palavra de cada página
viajo pelo tempo e pelo espaço
e, nas asas da fantasia,
o meu espírito atravessa terra e mar.
Quanto mais leio mais compreendo
que com o meu livro
estarei sempre
na melhor das companhias.


(Hani D. El-Masri)

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Muitos Parabéns para TI :D

Que tenhas um dia muito muito MUITO FELIZ!!!
E que este teu novo ano te traga tudo de bom, tudo o que mereces!



Tenha as melhores animações!


Beijo grande, do tamanho do mundo :D

terça-feira, 21 de abril de 2009

:D


domingo, 19 de abril de 2009

O AMOR

E ao fazer este desafio lembrei-me de um texto belíssimo, que sempre foi um dos meus preferidos.

Aqui fica!


O Amor Tudo Pode

Ainda que eu fale todas as línguas do mundo, se me faltar o amor, sou como um bronze que soa ou um sino que toca.
Ainda que eu tenha o dom da profecia e conheça todos os mistérios e toda a ciência, ainda que eu tenha uma grande fé, capaz de mover montanhas, se não tiver amor, nada sou.
Ainda que eu distribua todos os meus bens para alimentar os pobres e entregue o meu corpo às chamas, se me faltar o amor, de nada me serve.
O amor é paciente, é prestável;
O amor não é invejoso, não é arrogante, não é orgulhoso, não age com baixeza, não procura o seu próprio interesse.
O amor não se deixa levar pela ira; esquece e perdoa as ofensas.
Nunca se alegra com a injustiça e rejubila sempre com a verdade.
O amor tudo desculpa, tudo crê, tudo espera e tudo suporta.
O amor jamais passará.

(Saulo de Tarso - Carta de S. Paulo aos Coríntios)

e + outro ;)

A trintona lançou-me o seguinte desafio:

Regras:

- Escrever uma frase, citar um título ou contar uma historia sobre seis assuntos nos seguintes segmentos: vida, cinema, literatura, viagem, amor e sexo.
- Convidar seis blogs que você realmente considere feminino e inteligente; Deixar o link do blog que te convidou;
- Postar as regras para que outros a repassem;
- Exibir o selo do Papo CalcinhaVida - Um caminho que se faz passo a passo, tropeçando e caindo mas nos fortalecendo e abrindo horizontes de luz.



Vida: A vida é um jogo, um instante infinito. (Pedro Abrunhosa)

Cinema: O cinema não tem fronteiras nem limites. É um fluxo constante de sonho. (Orson Welles)

Literatura: O livro é um mudo que fala, um surdo que responde, um cego que guia, um morto que vive. (Pe. António Vieira)

Viagem: Uma longa viagem começa com um único passo. (Lao-Tsé)

Amor: Ainda que eu tenha o dom da profecia e conheça todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que eu tenha uma grande fé, capaz de mover montanhas, se não tiver amor, nada sou. (Carta de S. Paulo aos Coríntios)

Sexo: O sexo é hereditário. Se os seus pais nunca o fizeram, você não o fará. (David Zing)

E agora as desafiadas:

ME
S
Lena
Martense
CristinaT

Desafio, + 1

Tenho por aí uns desafios em atraso...

Hoje aqui fica este, da amiga vaca ;)

Então aqui vai , desta vez tenho que responder com a primeira letra do meu nome:

1. Como te chamas? C. é 2º nome mas o que me chamam ;)
2. Uma palavra de quatro letras: Cova :S
3. Um nome masculino: Carlos
4. Um nome feminino: Carolina
5. Uma profissão: Cabeleireira
6. Uma cor: Castanho
7. Algo de vestir: Casaco
8. Uma bebida: Coca-Cola
9. Uma comida: Crépes
10. Algo que encontres na casa de banho: Cano (foi do que me lembrei :P)
11. Uma cidade: Coimbra
12. Um motivo de atraso: Calma...
13. Um grito: CREDO!!
14. Um cantor: Carlos do Carmo

Agora desafio quem se sentir desafiado!!

quinta-feira, 16 de abril de 2009

e voou...

Without you now I see,
How fragile the world can be
And I know you've gone away
But in my heart you'll always stay...

Um beijo, filha, daqui até aí...

quarta-feira, 15 de abril de 2009

Bigada Amiga

um miminho especial ;)

adormeceu...

No dia 15 de Abril o coraçãozinho da minha Matilde, que tanto gostava de ver bater, parou!
E, ironia das ironias, parou porque assim o decidi...
Não era o que queria mas o que devia ser.
Entendo esta decisão como um acto de amor mas, mesmo assim, fica uma sensação amarga e um aperto no coração.
Não é culpa, não! Acredito que fizemos o melhor dentro das opções que tínhamos, é antes uma grande sensação de impotência.
Aquele foi um dia difícil, vivido num misto de irrealidade e pesadelo. Foi o dia da despedida, em que me refugiei nos meus sonhos e tentei aproveitar cada bocadinho que ainda tinha com a minha filhinha, cada bocadinho em que ainda me podia ouvir e sentir. Quis transmitir-lhe todo o meu amor dizer-lhe que estará sempre no coração da mãe. Aquele momento foi só para o meu bebé pequenino.
Posso dizer que este foi simplesmente um dos piores dias da minha vida. Não consegui conter as lágrimas e elas correram-me pela cara durante todo o processo. Só queria estar enroladinha no meu cantinho agarrada ao bonequinho que tinha comprado para a minha Matilde, para comemorar a passagem da barreira das 8 semanas.
Quando tudo terminou deixei escapar a dor e solucei desesperadamente, em silêncio. Foi o meu momento de desespero, aquele que me permiti, aquele em que o sonho realmente terminou, aquele em que tive a certeza que seria mãe de um anjinho, que se iria juntar às duas estrelinhas que já tinha no céu. Mas eu não queria ser mãe de um anjinho, eu queria a minha Matilde nos braços e isso nunca pude experimentar, nunca lhe pude dar um beijo...


E foi assim há um ano, no dia em que a Matilde adormeceu... para sempre!

segunda-feira, 6 de abril de 2009

Uma lágrima ao canto do olho

de orgulho e felicidade pela minha filhota!
Estes dias estivemos em Faro, para o Dançarte, um concurso de dança que aí se realiza todos os anos.
Ela foi logo na quinta feira cedinho com as colegas, pois precisavam de descansar e no dia seguinte tinham marcação de palco. Nós fomos lá ter depois.
Sábado e domingo decorreram as provas. A Mariana participou nas categorias de grupos clássicos e grupos modernos e contemporâneos, ambos do 2º escalão.
Não íam à espera de nada mas dispostas a dar o seu melhor, a concorrência era forte... E assim fizeram, empenharam-se nas suas prestações e tiveram a recompensa: um 4º lugar nos grupos clássicos (grupo onde ninguém consegiu pontuação suficiente para a atribuição do 1º lugar) e um 3º lugar (com pontuação de 2º) em grupos modernos e contemporâneos!
Nem queriam acreditar quando ouviram chamar o seu grupo, levaram algum tempo a avançar para receber o merecido prémio e, com ele, o direito a participar na Gala de domingo à noite, onde estiveram a 100%, já sem o stress da competição.
Foi a recompensa merecida pelo esforço e empenho que demonstraram. Deixou-as mais confiantes nas suas capacidades e, sobretudo, imensamente orgulhosas e felizes!
Eu, claro, mãe babada, lá assisti a tudo com a lágrima ao canto do olho...