Maternidade IV

"Era engraçado como esta visão se tinha tornado necessária, de uma maneira tão súbita e tão radical. A partir do primeiro toque, o mundo inteiro tinha mudado. Onde antes havia apenas algo sem o qual poderia viver, agora existiam duas. Não havia qualquer divisão - o meu amor não tinha de se repartir entre os dois, não era isso. Era mais como se, naquele momento, o meu coração crescesse e aumentasse para o dobro do seu tamanho. Com todo o espaço suplementar já ocupado. O crescimento quase me causava vertigens."

Stephenie Meyer, Amanhecer


Vi aqui esta excelente descrição do que é o amor de mãe e não resisti...

Comentários