Adiar...

Hoje trago em mim assim como que uma espécie de melancolia...
Chega o momento de voltar aos tratamentos, contas e tudo o resto que faz parte.
Não sei se estou preparada, não sei se quero voltar já ao turbilhão da espera do início do ciclo, da ansiedade da segunda parte do mesmo e depois do medo de mais uma desilusão.
Apetecia-me adiar, talvez por isso esta relutância em ir ao médico, este procurar desculpas, mais ou menos válidas, mais ou menos esfarrapadas, para ir adiando esta consulta.
Os tratamentos implicam um desgaste, a todos os níveis, físico e psicológico, por um lado ficamos mais descansados mas por outro a ansiedade redobra, porque investimos, porque nos custa, tudo tem que correr bem! E este "tem que correr bem", é um fardo enorme...
Gostava tanto de poder acreditar... mas tenho medo! Medo da queda, medo do depois... querem ver que me estou a tornar numa mulher medrosa? Ai, isso é que não pode ser!!! Era tão bom que me pudessem dar certezas... mas isso não é possível, e porque o tempo corre contra mim, não me posso dar ao luxo de adiar seja o que for!
Ilustração de Gaëlle Boissonnard

Comentários

Vaca na Lua disse…
Podes ter a certeza que não nos podemos dar ao luxo de adiar seja o que for... Eu de manhã estava cheia de desculpas... mas lá fui!
Eu vou contigo ! (na terça feira tb lá estiveste!
E vai correr bem!;)
Maria disse…
Somos mesmo parvas nestas coisas...
Eu sei que vai correr bem, afinal é só mais uma, é só para delinear o passo seguinte. Assusta-me é o depois, o regresso da pressão, od stress, da ansiedade...
Mas pronto, eu sei, tu aturas-me ;)
NuvemM disse…
Essas situações são sempre complicadas e desgastantes mas vais ver que um dia todo esse esforço será reconpensado.
Nunca desistas.

Beijos