sábado, 30 de janeiro de 2010

Mamma Bear

Despite your massive fangs and claws (or maybe because of them) you are a gentle nurturing mother who loves her children for who they are. You encourage their self-reliance and lead by example in order to teach them how to navigate their environment successfully. As a result, your “cubs” are independent thinkers who closely mimic on your habits… both good and bad. Your kids know when you are playing and when you mean business. Only a fool, however, would mistake all this warm fuzziness for weakness. You are not a mamma anyone would want to tangle with and may God have mercy on whatever stupid S.O.B. messes with your cubs.


E agora, um BOM fim-de-semana para todos!!!

Eu vou tratar do meu ;)

sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

Preguiça ou qualquer coisa assim...

Hoje não fiz o almoço!
Porque estava sem inspiração, porque me esqueci de descongelar qualquer coisa, porque... porque me apeteceu um mimo!
Fui ter com a miúda e fomos as duas comer umas pataniscas, que me souberam pela vida! Ai, se há coisa de que gosto é de pataniscas de bacalhau e estas, humm... estas estavam  divinas!

E aqui vai mais um post da treta! Mas que fazer? Apeteceu-me, porque estas pequenas coisas fazem parte da vida e há que as saborear e aproveitar cada bocadinho daquilo que é bom, daquilo que nos deixa felizes ;)

E não é que é assim!!

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

No meio está a virtude!

Diz o ditado com razão, e era essa a lição que o meu corpo devia aprender!
Hoje foi dia de eco, mais uma para controlar o que se passa lá dentro.
Depois de uma longa espera, lá chegou a minha vez e deu-se inicio ao exame, do qual resultou um: - É lá!!
Pois é, os ovários que não responderam ao puregon 50, responderam bem demais ao puregon 100 e, em resultado disso, temos uma hiperestimulação!!
Com mais de 8 ovócitos maduros é impensável, por ser tão arriscado, pensar em alguma coisa para este ciclo. Assim, se engravidar, dever-se-á apenas à sobrevivência de alguns resistentes, hipótese esta em que pouco acredito!!
Segundo o médico, este seria um bom resultado para FIV, em que tudo é controlado. E ficou combinado que volto lá em ambos os casos, ou seja, se a menstruação não vier, para verificarmos quantos embriões existem, se vier, para examinar o estado dos ovários e se não há quistos. De qualquer maneira, o próximo ciclo é para dar descanso aos ovários, no que se refere a tratamentos. Depois disso logo se decidirá o passo seguinte, para o qual há três hipóteses:

- Continuar a tentar sem tratamento;
- Continuar a tentar com o puregon 50, uma vez que o 100 nem pensar, e logo se vê;
- Recorrer à FIV.

A idade, o tempo, não é favorável aos dois primeiros e, quanto ao segundo, faltam os €€. Logo, vai ficando cada vez mais distante este sonho que acalentávamos.

Hoje estou de rastos!
Hoje senti-me "roubada"! Agora e da Matilde...
Hoje sinto-me no direito a ser um bocadinho egoísta e carpir as minhas mágoas ... sim, porque estou tipo fonte...


Pus o meu sonho num navio
e o navio em cima do mar;
- depois, abri o mar com as mãos,
para o meu sonho naufragar

Minhas mãos ainda estão molhadas
do azul das ondas entreabertas,
e a cor que escorre de meus dedos
colore as areias desertas.

O vento vem vindo de longe,
a noite se curva de frio;
debaixo da água vai morrendo
meu sonho, dentro de um navio...

Chorarei quanto for preciso,
para fazer com que o mar cresça,
e o meu navio chegue ao fundo
e o meu sonho desapareça.

Depois, tudo estará perfeito;
praia lisa, águas ordenadas,
meus olhos secos como pedras
e as minhas duas mãos quebradas.

Cecília Meireles

Muitos Parabéns Mano!!!

Como dizes, aproximas-te perigosamente dos 30!!!
Que tenhas um dia muito FELIZ!!!

Aqui fica, é à escolha ;)

A mudança da miúda :)

E lá está ela, a miúda, a dormir no seu novo quarto!
Claro que ainda há muito para fazer. Móveis para comprar, coisas para arrumar... Mas ela já lá está, toda feliz, pela segunda noite!


Ilustração de Peggy Mozley

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

What Decade Fits Your Personality Best?

1930's

You are strong and determined and have what it takes to get through life's storms. You are very helpful to those around you-- be it your friends, your family, or even a neighbor in need. You are a great leader and strong-willed person, and take challenges as a way to be...tter yourself...But you also have a deep sense of warmth and nurturing for those you care about. You are well-rounded and tough because you have to be. You aren't a "diva" but rather a humble person with admirable character. With more hard-working, quality like you, this world would be a much better place. By being able to turn a little into a lot, you know how to make life enjoyable even if it's just through the little things.

Desta não estava à espera!!!

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Não esquecer!


sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Ajudem a pequena Sofia!

Infelizmente mais uma vez alguém precisa de ajuda. Desta vez trata-se de alguém muito proximo de uma amiga.
A Sofia tem 7 meses e leucemia! Precisa de de um dador de medula óssea compatível. Por isso, peço a todos os que aqui passam e caso já não estejam na base de dados dos dadores de medula, que se dirijam/contactem, e peçam a quem conhecem para o fazer também, ao Centro de Histocompatibilidade do Centro - HUC para fazer a análise! Não custa nada, a sério! É apenas retirada uma pequena amostra de sangue, igualzinho ao que se faz para análises de rotina! Os únicos requisitos iniciais são que se tenha entre 18 e 45 anos, que se pese mais de 50 Kg e nunca tenha feito uma transfusão de sangue.

Por favor DIVULGUÉM!!


Olá, eu sou a Sofia Domingues Fonseca, e tenho 7 meses.
Foi-me diagnosticado LEUCEMIA, e só me poderei salvar com a vossa ajuda!!!!
Eu sou e quero continuar a ser a alegria dos meus Pais e Família…
Ser feliz e ter direito à vida como qualquer criança…!
“Nada é pior na vida do que desejar o impossível e lamentar não ter feito o possível” AJUDEM-ME POR FAVOR
Contactos: 919107979 ( Ana Bernardes) 239480700 (Centro de Histocompatibilidade do Centro – HUC)

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Da eco...

Uma vez que este foi o 7º dia do ciclo, era chegado o momento de uma eco de monitorização.
Desmarquei dentista, pois esta eco não se pode adiar, e fui para a clínica.
Estava eu à espera do elevador, quando chega o médico. Conversa para aqui, conversa para ali, logo lhe pus todos os problemas e dúvidas do ciclo anterior, que ficaram esclarecidos à chegada ao destino. E pronto, terminou aí a primeira parte da consulta!
Depois de um tempo de espera, enquanto aguardava a minha vez - engraçado como estas esperas pelas ecos são tão diferentes consoante as circunstâncias, aqui não há aquela ansiedade, onde o medo se mescla com a esperança, o querer com o não querer, que caracteriza as outras -, lá me chamaram para a segunda parte da consulta, o exame propriamente dito!
Estradiol mais alto do que no ciclo passado, só pode ser bom sinal mas isso só se saberá comparando com os resultados da próxima análise. Endométrio bem, o que é costume (pelo menos isso). Ovários... visto o direito e depois passando para o esquerdo, mereceram o seguinte reparo: "Se vier um óvulo de cada lado, temos gémeos!" Aprofundando a observação do esquerdo, chegou a sentença: "hummm... Seis não dava muito jeito, pois não?"
E lá seguiu o exame com o médico a mostrar-me e a explicar tudo. O endométrio já eu sei reconhecer, assim como os folículos, saio disto uma entendida!!

Resumindo:

Estradiol: 105,6
Endométrio: não me lembro :S
Ovário direito: 1 fol. 14,1 mm; 1 fol. 11,6 mm
Ovário esquerdo: 1 fol. 13,9 mm e + 5 fol. cuja medida não sei

Ilustração de: Cathy Delanssay

Prémios

Ainda há que ache que este blog merece prémios!
Aqui estão eles:

Da amiga Vaca na Lua, chegou este fofinho:



Das amigas Vaca na Lua e O meu castelo, veio este, e com ele tenho que falar de 5 coisas de que me arrependo...



1. De não ter tentado outro filho mais cedo.
2. De não me ter preocupado quando a 2ª gravidez demorou a chegar.
3. De quando me zango sem razão.
4. De algumas atitudes tomadas sem pensar.
5. Das vezes em que me deixo vencer pela preguiça e pela inércia.

E por fim, da amiga de O nosso castelo, chegou mais este e uma série de regras que aqui vão:



1) Indicar 6 amigas que merecem este selo...Aqui vai
Um T3 para 5
Nuvem M
Felicidade não tem código de barras
Nos nossos corações
Aquilo que me vai na alma
Em busca dos nossos bebés e não só...

2)Exibir a imagem do selo: já tá!
3)Post o link do blog que lhe deu o selinho: já tá!
4) Avise os indicados: não vou fazer!
5)Publique as regras: já tá!

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Aii! As costas!!

Têm-se vindo a anunciar nos últimos dias, as dores claro! Não lhes liguei muito, achei que passavam. Mas hoje... Hoje a coisa está feia!
Tudo isto é fruto das mudanças e relacionados. Quem me manda a mim ter tantos livros amontoados por tudo o que é sítio?? Sim, porque por aqui é urgente comprar estantes!!
Pois é, desta vez não foi a malfadada e costumeira rinite que atacou. Até fiquei espantada quando não senti a habitual comichão a atacar garganta, ouvidos e olhos, quando os espirros não chegaram e dei descanso aos lenços de papel! Mas claro, não podia ser tudo bom, alguma coisa atacaria. E pronto, foram as costas!!!




Parece-me que logo à noite vou precisar de uma destas!!

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Chegou hoje!!!

E tenho-o aqui agarradinho!
Trouxe-me um sorriso e uma lágrima. Tantas histórias, tantas memórias...
Eu sei, fazem parte da vida mas quem dera que nunca tivessem acontecido...

Por vezes o ciclo da vida inverte-se: morre-se antes de nascer. Infelizmente a sociedade não tem consciência de como é frágil a maternidade. Este livro denuncia os processos da dor e do luto em mulheres que lutaram contra o drama da perda gestacional. São testemunhos reais de uma dura realidade, que, silenciosa, clama por ser ouvida.

Mais um bocadinho aqui
 
O meu também está lá :)

No coração da mãe...

"Eu vivo no coração da minha mãe...
e nunca tenho dói-dóis...
lá está sempre quentinho
e estou protegida...
... no coração da minha mãe...
eu sei que
o amor
não tem limites
e por isso... sonho e vôo...
tenho asas de borboleta...
sou bailarina...
... no coração da minha mãe...
danço a noite inteira...
e acordo com as fadas
... no coração da minha mãe... Eu sou feliz!"

Retirado daqui



Para ti, um beijinho grande neste dia especial...

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Quarto da miúda

Finalmente o novo quarto da miúda levou um grande avanço! Bigada miguita, pela ajuda e o jantar improvisado, tarde e a más horas :)
Não será propriamente um quarto de revista mas também não é isso que se quer. O importante é a miúda sentir-se bem por lá e aproveitarmos ao máximo o que já temos, é que não estamos em época de grandes gastos!
Mesmo assim ainda faltam umas quantas coisas. A miúda precisa de sitio para arrumar as "tralhas" assim como para estudar, e é aí que se encontra o maior problema. Estante e cómoda já temos em vista mas a secretária, isso é outra história, tem que ficar bem com o resto da mobília, que já é uma grande misturada, e não pode ser muito grande, pois o espaço para ela é pequeno. Não está fácil mas alguma coisa se arranjará!
Agora o que importa é a quase concretização de uma promessa já com uns aninhos e que, por circunstancias da vida, tem sido adiada.

Tenho por aqui uma miúda ansiosa pela mudança ;)

sábado, 16 de janeiro de 2010

Presente especial!


Foi este, o da Mariana!
Deixou-me de lágrima ao canto do olho e muito muito babada!!

Obrigada filha, gosto muito de ti. Assim, sem limites...




Ilustração de Amélie Thiebaud







Parabens mae
Este poema e para ti,desculpa se ja passou um dia :).

Numa noite bem estrelada
Haverá brilhinhos por todo o lado
Mas destacar-se-ao dois desses
Duas estrelinhas que brilharão
Mais do que a própria estrela polar

Nessa noite de alegria
Haverá anjinhos a brincar
Com sorrisos naquelas caras larocas
Mas só uma anjinha olhará para o mundo
E mandará um beijinho de amor

Nessa noite de paz
Haverá uma rapariga especial
Estando em familia e harmonia
Com uma lágrima no canto do olho
Pois esse dia trará muita paz

Nessa noite de esperança
Haverá uma mãe orgolhosa
A olhar para as estrelinhas brilhantes,
A sorrir para a anjinha,
A limpar a lágrima à rapariga

Essa mãe estará alegre
Recebendo os parabens da familia,
A ler o poema da rapariga,
A dar um beijo ao marido,
A dar graças pela vida

bjs da filhinha

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

E eis que,

de mansinho, o "senhor" lá fez a sua aparição!



  Voltemos então ao ritmo do puregon + estradiol + ecos...
Ilustração de Ana Oliveira

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Parabéns a...

MIM!!!


quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Ser!

Não sejas o de hoje.
Não suspires por ontens...
não queiras ser o de amanhã.
Faz-te sem limites no tempo.
Vê a tua vida em todas as origens.
Em todas as existências.
Em todas as mortes.
E sabes que serás assim para sempre.
Não queiras marcar a tua passagem.
Ela prossegue:
É a passagem que se continua.
É a tua eternidade.
És tu.

Cecília Meireles
Ilustração de Cathy Delanssay

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Estado de espírito!




Não fui ao médico. Simplesmente não me apeteceu!

sábado, 9 de janeiro de 2010

Eu e Deus

Estava a escrever um post a atirar para o depressivo, quando vi isto aqui, depois aqui e por fim neste. Gostei tanto que não resisti e tratei de pensar na minha vida e nas "minhas experiências com Deus". Foi-se embora o estado depressivo que se instalava e pus mãos à obra! Baseei-me especialmente na Mónica Marques, porque gostei daquela abordagem, o lado bom e o lado mau, é que a vida é feita de tudo isso e só no todo podemos avaliar essa "experiência"

I
Quando fui mãe e me senti parte de um acontecimento único, de coração transbordante de felicidade e amor incondicional para sempre. A magia de um livro. O calor do Sol na minha pele. As tuas mãos. Os amigos que estão lá. O primeiro pontapé da Mariana. O Verão. Estar lá para os amigos. Churros com chocolate quente. O mestrado. São Pedro e o projecto. Paz. A música que arrepia. O primeiro pontapé da Matilde. A minha avó pequenina mas tão grande em tudo. As livrarias em que me perco. As estrelas. Sintra. Cerejas. As minhas sobrinhas. Tu. Natal. O cheiro dos pinheiros. O pó da terra. Mérida. Um desafio ultrapassado com êxito. Framboesas. Quando a consulta da Mariana corre bem. Pedro Abrunhosa. Drumond de Andrade. U2. Clarice Lispector. Pessoa. Pablo Neruda. Pink Floyd. Rodrigo Leão. Mariza. Bibliotecas. Um programa mãe e filha. Violetas. Cinema. Mergulhos no mar e depois deitar na areia sentindo o mundo rodar. Sexo com amor. Uma esplanada. Gelados. O calor da lenha a arder na lareira. Beijos. Quando ela diz “mãe, não gosto de ti, adoro-te!”. Os passeios a três. Eu encostada a ti. A Missa do Galo na Lapa. Pastéis de bacalhau com arroz de grelos. Lisboa. Bach. Chopin. Mozart. Beethoven. Haydn. Tchaikovsky.Gounod. A Mariana a dançar. Coimbra. Fado. O aconchego do meu canto. Os travesseiros do Preto. Detmold. A tua mão na minha. Uma tarefa terminada. Sorrisos. Amizade verdadeira. Sopa de grão. Londres. Neve. Katie Melula. Susana Felix. Rita Redshoes. Caetano Veloso. Leonard Cohen. Lisa Gerrard. Queen. Nora Jones. Toledo. O Quebra-nozes. O canto das cigarras. Almoinha. Capinha. Infância. O cantar antigo da aldeia. A memória dos meus filhos que guardo no coração. A Mariana a crescer. O cheiro da terra molhada depois das primeiras chuvas. Sonhos. Esperança. O teu cheiro. Gargalhadas. Lágrimas de felicidade. Magnólias. Arco-íris. Um coração a bater. Amor. Vida. Nós, que somos dois, que somos três, que somos seis.

II
A perda de um filho. Decisões que não deveríamos ter que tomar. Infertilidade. Guerra. Fome. Triploidia. Pedofilia. Terrorismo. Ratos. Dióspiros. Escoliose. Frio. Preguiça. Cancro. Crianças maltratadas. Genocídio. Mentira. Droga. Hipocrisia. Saltos de agulha. Alzheimer. Os dias pequenos. A sala de espera de um consultório. Rock da pesada. O fundamentalismo seja ele qual for. Os programas da manhã na televisão. Carnaval. Terramotos, tsunamis, furacões e outros cataclismos. A má educação. O desrespeito pelo outro. Egoísmo. Inveja. Maldade. Hitler. Estaline. Mao. Ditaduras, seja qual for a sua natureza. Medo. Insegurança. O sofrimento. Os “presentes” que salpicam os passeios. Lágrimas de dor. Solidão. Racismo. Desemprego. Psicopatas. Burocracia. Velhinhos maltratados. Prepotência. Intolerância. Mesquinhez.

III
Colocando tudo isto nos pratos de uma balança acredito, como Mónica Marques, que Ele ande por aqui, embora uns dias mais outros dias menos. Há circunstâncias na vida que, por nos magoarem tanto, nos deixam zangados. E a mim parece-me que ainda não consegui fazer totalmente as pazes depois desta última vez… Mas vou caminhando para isso, até porque a vida só por si, desde o mais pequenino e invisível ser vivo até ao maior do universo, constitui milagre suficiente. Não consigo atribuir todo o equilibro necessário à sua existência e funcionamento apenas a um acaso, preciso de lhe dar um sentido e esse, encontro-o n’Ele. Como diz Drummond de Andrade, há muitas razões para duvidar e uma só para crer.

 lustração de Becky Kelly

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Hoje esgotei os dedos das mãos e...

NEGATIVO!!

Pensei que ia ficar meio depressiva se isso acontecesse mas não, o que não significa que não tenha ficado triste, claro que sim, mas parece que até nisto vamos ganhando calo e pronto, foi apenas mais um...
O "dito cujo" ainda não apareceu, a coisa anda toda baralhada, já não percebo nada de mim, por isso está decidido: 2ª feira vou ao médico!


E agora, porque a vida não se faz só destas coisas, vou tratar de mim que hoje, mais uma vez, é dia deste...

Winter...

Eu sei, é preciso!
A chuva, o vento e o frio fazem parte, mas eu já estou cansadita deles...
Decididamente não fui feita para este tempo, realmente o meu elemento é o Sol, o calorzinho e os dias compridos!


quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Capricórnio 2010

Seu signo receberá energias poderosas das estrelas, por isso, espere muitas surpresas em 2010. É claro que algumas podem sinalizar desafios e exigir um pouco mais de você. Já outras vão trazer oportunidades e prometem abrir as portas para o seu progresso em todos os sectores. Drible os obstáculos que encontrar pelo caminho e construa os alicerces da sua felicidade.

Daqui 

terça-feira, 5 de janeiro de 2010

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Ano Novo e...