Borboletas...

O segredo é não correr atrás das borboletas... É cuidar do jardim para que elas venham até você!

Hoje saiu-me  esta frase num biscoito da sorte e não podia ser mais adequada!
Não posso dizer que esteja muito melhor mas já vejo uma ténue luz ao fundo do túnel.
Andava preocupada, muito, com a menstruação que chegou ao 19º dia do ciclo, sem ovulação. Estranho quando uns dias antes tinha aqueles folículos enormes, por isso me preocupei, por isso me questionei, seria ou não? Se não fosse era preocupante ou normal? Mas se fosse o mesmo acontecia. A minha cabeça tem sido um ponto de interrogação nos últimos dias.
Lá fui, hoje, fazer eco para ver o que se passa, para confirmar, ou não, se sempre era o dito cujo ou outra coisa qualquer. A miguita foi comigo e a companhia soube bem. Eu sei que não era o programa matutino ideal, sei que andas cheia de trabalho, mas adivinhaste que eu precisava e simplesmente estiveste lá!
Fiz a eco e confirmou-se que tinha sido mesmo a chegada antecipada do dito cujo, teve pressa o senhor! Perguntei ao médico se era normal tal acontecer, e sim, pode acontecer quando há uma subida tão grande de hormonas e depois se corta a sua administração repentinamente, não preciso de me preocupar com esse ponto.
Passámos aos ovário e aqui a coisa foi diferente... Pois é, lá estavam os ditos quistos! Ou seja, os folículos que estavam maduros não foram expelidos, neste momento encontram-se em regressão mas ainda muito grandes, temos que esperar que sejam completamente reabsorvidos para então voltar a tentar. Assim, este ciclo também não podemos pensar em engravidar, é preciso dar descanso aos senhores ovários.
No final lá lhe expus os meus medos e receios. Perguntei mesmo directamente, se achava que ainda poderia ter esperança de engravidar alguma vez mais. Respondeu-me que sim, que os meus ovários, embora caprichosos, funcionam bem. Que o que preciso é controlar os ciclos para identificarmos o momento da ovulação com mais certezas, daí a possibilidade de usar o pregnyl, já pensado para o ciclo anterior, mas que ficou sem efeito dada a hiperestimulação. Acrescentou ainda, que tirasse da cabeça a ideia de menopausa!!
Bem, esse não era o meu problema desta vez, mas lá lhe disse que já passaram quase dois anos e cada vez vejo mais longe a possibilidade de uma gravidez. E de lá veio a sentença: "o que são dois anos na vida de uma pessoa?" Pois, não são nada e são tudo, porque não podemos pensar só no agora mas também no depois, no futuro... E lá veio ele outra vez, sempre igual a si próprio, que aos 80 ainda teria tempo de ver os netos! Terminou dizendo-me para voltar no início do próximo ciclo, mandando-me deixar de lado os pessimismos e dar descanso ao "4º andar"! É bom ter um médico assim, excelente na parte técnica sem se esquecer de ser humano, fazendo-nos sentir que se interessa, que se preocupa...
E assim vou procurar fazer. Não vou correr atrás das minhas borboletas, vou cuidar do meu jardim para que elas, um dia, quando for o momento certo, venham cá ter!

Comentários

Vaca na Lua disse…
Eu podia dizer muitas coisas, mas nada que tu já não saibas. E sabes bem, que o meu trabalho, ainda que muito, não azeda e quando cá cheguei cá estava ele! Puff...
PauLLa disse…
Amiguinha
Este mes tambem tive uns dias com um corrimento acastanhado apenas 1 semana apos a "suposta ovulaçao" e achei estranho mas nao liguei e nao fui fazer eco...
Preferi esperar e so faço eco dia 22 Fevereiro
Espero ja ter os ovarios completamente limpos nessa altura, pra voltar a luta!!!!

Como te disse o medico, nao vai ser dificil engravidares novamente...

bjokas gds linda!!!!!
Madame Pirulitos disse…
Tenho tanta coisa para dizer...

primeiro que tudo, gostei de ver/sentir de novo a força a avançar. Foi lindo!!

Segundo, que bom que é ter uma amiga assim!!

Em terceiro: mas onde compras tu esses bolinhos?? Gostava tanto de comer um todos os dias e ver a frase que me calhava!!!


Beijinhos grandes, grandes