Pessoas que marcam

Há pessoas que nos marcam de uma ou outra forma. Mesmo, por vezes, não pensando muito nelas, estão lá, habitam as nossas memórias e fazem parte do coração. O Zé é uma dessas pessoas.
De trato simples, sempre prestável e amigo do seu amigo, um dia, não sei quando pois para mim esteve sempre lá, o Zé entrou nas nossas vidas e ficou.
As memórias da minha infância estão cheias dele. Do seu falar lento e grosso, do respeito que sempre manifestava e da dedicação que punha em tudo o que fazia. Também gostava de brincar, ainda me lembro das "castanholas" que nos oferecia e do quanto riamos com isso... São memórias de outros tempos, tempos felizes que lembro com saudade, quando tudo era simples e a maior preocupação era escolher a brincadeira do dia seguinte.
O Zé fazia parte da casa, a casa dos meus avós, a casa das minhas férias, a casa onde casei. Mas, mesmo depois de tudo ir acabando, o Zé, de alguma forma, continuou lá, até sábado, quando partiu, levado pela pneumonia que não deu tréguas. 
Ao Zé, que já não está entre nós mas que habitará sempre a memória de quem o conheceu, até sempre!

S.T.T.L.

Comentários

Mamã Petra disse…
E essas memorias boas, são o que de melhor levamos da vida.
Rosalino disse…
Memorias assim são sempre as fotos que ficam sem serem retrat6adas pela maquina fotografica. Mas são as que o tempo nunca apagará.

E esse teu amigo será sempre uma foto que ficará na tua mente. pelos bons e alegres motivos que te deu.

Rosalino