segunda-feira, 15 de abril de 2013

Gosto-te todos os dias e sempre, assim sem limites, sem palavras, para lá do infinito...

Olá minha Matilde pequenina,
Cinco, já são cinco, uma mão cheia de tudo e de nada... Cinco anos de boas recordações, outras menos boas e, principalmente, muita saudade!
Foram 21 semanas intensas, mágicas, aquelas que partilhámos, aquelas em que te carreguei como um tesouro frágil e único. Foram 21 semanas em que te embalei, te mimei, te sonhei. Foram 21 semanas nossas, insubstituíveis...
Mas sabes meu amor? Sabes? Vou contar-te um segredo: Aqui, dentro da mãe, continuas a viver, simplesmente agora vives no meu coração, que é todo teu, como é todo das manas, porque coração de mãe é assim, não se divide multiplica-se, e é sempre inteiro para cada filho.
Gosto-te minha querida! Gosto-te todos os dias e sempre, assim sem limites, sem palavras, para lá do infinito...
Simplesmente gosto-te!
Um beijo minha filha, daqui até aí...
Mãe



4 comentários:

Magda E. disse...

um beijinho muito grande! de certeza que de lá, onde ela está, sente esse amor.

mãeee disse...

E fica-se assim de olhos a marejar mas um carinho tão grande no peito. A Matilde sabe e sente-se amada por essa família tão especial que tem, de que faz parte.
Um beijo grande e um abracinho especial neste dia.
Hoje há festa na nuvem M: não se admirem se o vento soprar

Lit@ disse...

Onde ela está envia-te com certeza muita força,deixo-te um abracinho recheado de carinho e beijinhos meus e da Lu

claudia disse...

:(