terça-feira, 8 de abril de 2014

Março...

De Março ficaram dias esquecidos, registos por fazer marcos por assinalar.
De Março ficou um vazio, uma perda, uma despedida por fazer...
Mais uma... 
Em Março perdi a minha referência, o meu exemplo, um pouquinho de mim...
Em Março vi partir a minha avó... para sempre...